segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Será o príncipio do fim do YouTube?


A editora discográfica Warner Music vai retirar do YouTube os vídeos dos artistas que representa, por não ter chegado a acordo com o detentor do YouTube, o Google. Entre muitos nomes ligados a Warner encontram-se Madonna, Red Hot Chili Peppers ou Linkin Park .
Devo acrescentar que actualmente, a Warner recebe cerca de um cêntimo por cada visualização de um dos seus vídeos ou uma parte do valor do anúncio colocado junto ao vídeo (o que for maior).
Isto poderá abrir uma caixa de pandora com outras editoras a seguirem o exemplo. Cá para mim é mais um caso de "querer sempre mais" ou " quanto mais se tem mais se quer"...
E pronto, lá vamos perder a possibilidade de ver videos musicais de grande qualidade (ou não) e ficar só com as "produções caseiras" tipo professora a tirar o telemóvel à aluna...

Nenhum comentário: